Tudo sobre os primeiros dentinhos do bebê

 

Ter um filho não é uma tarefa fácil, especialmente nos primeiros anos de vida do bebê. Quando a criança nasce, ele é totalmente dependente dos pais durante e é fundamental que os pais tenham essa consciência. Já durante o crescimento e a infância, outras necessidades podem surgir, como os primeiros dentinhos do bebê que trazem dores e incômodos.

 

São diversos cuidados que os pais precisam ter durante esse período, e muitas vezes falta o conhecimento necessário para lidar com certas situações.

 

A saúde dos bebês, por exemplo, ainda é muito debilitada no começo da vida, pois o organismo ainda está em desenvolvimento, criando anticorpos e aumentando sua resistência para combater as doenças que podem surgir.

 

Uma das maiores preocupações dos pais e um dos momentos mais difíceis de lidar, com relação à saúde, é quando começam a nascer os dentes dos bebês. 

 

Muitos pais acabam ficando desesperados, pois esse processo é doloroso para as crianças, e eles acabam pensando em uma série de problemas de saúde diferentes, o que dificulta o tratamento.

Surgimento dos primeiros dentes

Como dissemos, o surgimento dos primeiros dentes é um processo difícil, tanto para os bebês, que sofrem com dores e com alguns sintomas corporais, como para os pais, que muitas vezes não conseguem lidar corretamente com essa situação.

 

Normalmente, os primeiros dentes começam a surgir a partir dos 6 meses de idade, entretanto, isso varia de organismo para organismo. Assim, pode ocorrer de os dentes começarem a nascer um pouco antes, como um pouco depois também.

 

No entanto, o esperado é que até completar 1 ano de idade, é praticamente certo que os primeiros dentes já terão aparecido.

Sintomas

Quando você está para virar mãe ou pai e consulta seu convenio odontologico, os dentistas certamente poderão te dizer melhor como funciona esse processo e quais são os principais sintomas que surgem durante o nascimento dos primeiros dentes, bem como acompanhar e orientar quanto aos cuidados necessários.

 

De modo geral, cada dente que vai nascendo acaba proporcionando alguns sintomas importantes, que muitas vezes se assemelham a uma infecção, por exemplo. Conheça os principais:

 

  • Choro excessivo;
  • Vermelhidão e dores gengivais;
  • Irritabilidade;
  • Recusa a comer e beber;
  • Febre;
  • Dificuldades para dormir;
  • Aumento do fluxo salivar e baba.

Como aliviar

Percebendo alguns desses sintomas, você já pode suspeitar que um dente está nascendo. Esse é um processo natural, que passa conforme o dente se estabelece completamente na boca, mas que traz incômodos diversos até que isso ocorra.

 

Por isso, é muito importante que os pais tenham essa consciência, sabendo como lidar com essa situação e buscando aliviar os sintomas.

 

Nesse sentido, existem alguns meios que podem ser interessantes. Primeiro, caso você esteja muito preocupado com a situação, procurar um pediatra de um odonto empresarial pode ser interessante para você ter orientações e avaliar se o nascimento está adequado.

 

Deste modo, o profissional passará recomendações e, se necessário, medicamentos que podem contribuir com as dores.

 

Além disso, há também meios caseiros para diminuir o desconforto e aliviar os sintomas, como dar objetos para que o bebê mastigue (mordedores ou mesmo vegetais, principalmente gelados), fazer massagem nas gengivas afetadas, ser paciente e dar carinho para que eles se sintam confortáveis e seguros.

Cuidados importantes

Mesmo antes dos dentes começarem a nascer, é importante que os pais já começam a ter alguns cuidados com a saúde bucal e se atentem à cavidade e a criação do hábito.

 

Por isso, é fundamental limpar a boca, especialmente a gengiva, com frequência, utilizando uma gaze umedecida com água limpa, quando a alimentação deixar de ser apenas a amamentação.

 

Quando os dentes nascem, conforme você pode conferir com dentistas de um plano dental coletivo empresarial, os cuidados mudam. 

 

A partir do nascimento dos primeiros dentes, você deve começar a escovar os dentes dos bebês com uma dedeira ou uma escova de dente pequena e macia, conforme a quantidade de dentes, mas sem utilizar cremes dentais – apenas água morna e limpa.

 

Esse processo de escovação vai se modificando conforme a arcada dentária vai sendo formada. 

 

Quando as crianças vão se desenvolvendo, é natural que os dentistas de um plano dental para MEI, por exemplo, passem a recomendar a utilização de cremes dentais adequados, que não devem possuir álcool e podem variar quanto ao flúor.

Cáries em bebês

Apesar de muitos pais não saberem, as cáries podem acometer também os bebês. O principal motivo que leva os bebês a terem cáries é a alimentação desregrada, principalmente quando há excesso de mamadeira na madrugada e não há uma atenção com a cavidade.

 

Normalmente, os pais acabam utilizando a mamadeira na madrugada para acalmar os bebês, que acordam chorando e sem entender o que está acontecendo. 

 

Entretanto, na maioria dos casos, o conteúdo das mamadeiras é leite e achocolatados em pó, que contém altas quantidades de açúcar.

 

Esse acúmulo faz com que possam surgir cáries em certos períodos, necessitando consultar o plano odontologico para encontrar dentistas que possam tratar esse tipo de problema de forma adequada e sem gerar novos incômodos ou traumas.

 

É importante lembrar nesse ponto que a saúde dos dentes de leite são essenciais para a cavidade e formação adequada dos dentes permanentes.

Mamadeiras e chupetas fazem mal ao dente?

Por fim, é interessante responder esse questionamento, que é a dúvida de muitos.

 

Infelizmente, sim, as mamadeiras e chupetas, quando utilizadas em excesso, podem fazer mal aos dentes, trazendo problemas para a estruturação da arcada dentária que está se formando, podendo gerar dentes tortos e até impactar na saúde/integridade destes.

 

Conteúdo desenvolvido pela equipe do Conviva Melhor, blog criado com o intuito de melhorar a saúde e o bem-estar por meio de conteúdos que reforçam a importância dos cuidados regulares.

 

Leia também: Quando levar o seu filho ao dentista pela primeira vezFases de crescimento dos dentesHigiene Bucal Infantil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>