Estratégias antiestrias

Durante a “gestação”, a melhor arma contra as estrias é a prevenção. Conheça os produtos e os tratamentos mais indicados para esse período.

Hidratar a pele é necessário, sobretudo, no caso das gestantes. Os cremes mais indicados são os que contêm proteína de uréia, avelã e uva. Não é à toa: eles permitem que as células absorvam mais água, que mantém as camadas cutâneas mais profundas da pele bem hidratadas. Isso ajuda a prevenir o surgimento das temíveis estrias. Outra arma contra as cicatrizes é o creme à base de silicone, capaz de reter a umidade natural das células. “Pesquisas científicas mostraram menor incidência de estrias em grávidas que usavam hidratantes”, diz a dermatologista Izabel Reck de Mendonça, do Kyron Spa de São Paulo.

Todos esses produtos devem ser indicados pelo seu médico. Isso porque substâncias presentes em sua composição podem prejudicar o feto. “Além de cremes e hidratantes, as futuras “mamães” podem apelar para a endermologia, uma técnica francesa que combina drenagem linfática e massagem”, indica Cecília Krauss, dermatologista da Clínica Dancorps, no Rio de Janeiro. Funciona assim: uma máquina aspira e fricciona a pele, procurando estimulá-la. No fim das contas, a endermologia trabalha o tecido subcutâneo e contribui para melhorar a circulação sanguínea. Por isso, o método é mais indicado para combater a celulite, outro problema que costuma dar o ar da graça durante a gestação devido à retenção de líquidos. “Ajuda a hidratar a pele por meio de cremes que contêm vitamina C e também auxilia na prevenção das estrias”, finaliza Krauss.

Fonte do Site: bebe.abril.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>