Controle seu peso. Alimentar-se bem desde as primeiras semanas é muito importante!

Aqui você encontrará algumas dicas para os problemas mais comuns, durante os nove meses.

Peso ideal

Até o final dos nove meses, o aumento de peso ideal varia entre 9 e 13 quilos, esse ganho garante o desenvolvimento do bebê e a volta da gestante a seu peso habitual, após o parto.
Mas não se esqueça que o peso também depende da constituição física da mulher. Aquelas que estão muito acima do peso, ao engravidar precisam esforçar-se para não ir além de 9 quilos. Já as muito magras não há problema se engordarem até 20 quilos.
É bom lembrar que apenas uma parte do peso que você adquire vem do bebê e da gordura, alguns quilos decorrem, também, do crescimento do útero e da placenta, dos líquidos extracelulares, responsáveis inchaços comuns na gravidez.
Uma boa média de ganho de peso a partir da 8ª até a 40ª semana, é de 1,2 quilos a cada quatro semanas. Segundo obstetras, se consumir apenas 300 calorias diárias a mais do que consumia antes de engravidar a gestante já estará garantindo o bom desenvolvimento do seu bebê.

Excesso de peso

O excesso de peso durante a gravidez pode acarretar alguns problemas para a gestante, como: hipertensão arterial e diabetes, que ocorrem com maior freqüência em gestantes obesas.
Também é comum o risco de problemas cardiorrespiratórios, causados pelo esforço físico maior.
Quando se está grávida não se deve comer por dois, e sim para dois. Sem exagerar no cardápio, equilibre proteínas, vitaminas e carboidratos. Bons hábitos alimentares ajudam até no parto.

Refeições

O ideal é fazer 6 refeições diárias: café da manhã, lanche, almoço, lanche, jantar, lanche antes de dormir.
Procure evitar que o intervalo entre as refeições ultrapasse 3 horas. É importante que sua alimentação seja rica e variada.
Uma dieta adequada também ajuda na evolução da gravidez e no trabalho de parto. Gestantes mal nutridas correm o risco de ter anemia ou toxemia.
É preciso, também, beber pelo menos 2 litros de água, suco ou leite por dia.

Veja a tabela, e você terá uma noção, do aumento de peso durante a evolução da gravidez:

tabela de peso
fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>